Jovem promessa do basquete antecipa formatura do ensino médio e se prepara para próximo draft da NBA

Cooper Flagg || Crédito: Reprodução/Instagram/@cooper_flagg

Cooper Flagg, de 16 anos, fenômeno do esporte escolar nos EUA, acelera sua graduação para estar apto para o recrutamento da liga em 2025

Cooper Flagg, promessa do basquete colegial dos Estados Unidos, adiantou sua possível entrada na NBA em um ano. Aos 16 anos, ele conclui o ensino médio mais cedo, tornando-se elegível para o draft de 2025. Especialistas apontam o jogador como um dos principais prospectos do draft, com potencial para ser a primeira escolha. Em suas redes sociais, Flagg compartilhou a decisão com a pergunta: “Por que esperar?”

O atleta ganhou destaque ao ser selecionado para o acampamento de treinamento de Steph Curry em 2023, após ser um destaque no mundial sub-17 de basquete em 2022. Nascido no Maine e estudante da Montverde Academy na Flórida, já tem contratos de patrocínio enquanto ainda está no ensino médio.

Flagg já recebeu propostas de 16 times universitários, e, embora possa ir para Duke, ele ainda é criticado por não mostrar todo o seu potencial em quadra. Ele foi MVP no EYBL, com média de 25,4 pontos, 13 rebotes e 5,7 assistências por jogo, exibindo uma precisão de 58% nos arremessos de dois pontos e 34,4% nos arremessos de três pontos.

Para ser elegível ao draft da NBA, é necessário cumprir pelo menos um ano no basquete universitário. O adiantamento de sua formatura satisfaz esse requisito, prevendo sua graduação entre maio e junho do próximo ano, permitindo a entrada na universidade em setembro de 2024. Flagg se destaca ao buscar ser selecionado no draft de 2025, uma abordagem diferente de muitos jogadores da NBA que ingressam após um ou dois anos de faculdade, como foi o caso de Andrew Bynum, escolhido com 18 anos e 6 dias no draft de 2005, é uma exceção, já que foi selecionado diretamente do ensino médio, prática que foi eliminada da NBA após o draft de 2006.