Apelo humanitário do Papa pela liberdade dos reféns e pela paz na região do Oriente Médio

Papa Francisco || Crédito: ONU/ UN Photo/Amanda Voisard/Eskinder Debebe/Rick Bajornas/Mark Garten

Papa Francisco pede libertação imediata de reféns e paz no Oriente Médio

A libertação ‘imediata’ dos reféns capturados em Israel pelo movimento islâmico palestino Hamas foi pedida pelo Papa Francisco nesta quarta-feira (11). Ele disse estar ‘muito preocupado’ com o cerco israelense à Faixa de Gaza.

‘Peço que os reféns sejam libertados imediatamente (…). Aqueles que foram atacados têm o direito de se defender, mas estou muito preocupado com o cerco total em que vivem os palestinos de Gaza, onde também há muitas vítimas inocentes’, declarou o pontífice, após sua audiência geral semanal no Vaticano.

‘O Oriente Médio não precisa da guerra, mas da paz, uma paz baseada na justiça, no diálogo e na coragem da fraternidade’, insistiu o jesuíta argentino perante os fiéis de vários países.

‘O terrorismo e os extremismos não contribuem para alcançar uma solução para o conflito entre israelenses e palestinos, e sim alimentam o ódio, a violência e a vingança, e fazem ambos sofrerem’, destacou.”