Preocupação com meio ambiente marca celebração do cacique Raoni Metuktire

Chefe Raoni Metuktire || Crédito: Reprodução/Twitter @institutoraoni

Líder reuniu 54 lideranças indígenas para uma reunião especial da agenda dos povos originários nesta semana na aldeia Piaraçu, no Mato Grosso

Centenas de indígenas de diferentes tribos do Brasil se reuniram para o evento “Chamado do Raoni”, na Aldeia Piaraçu, em São José do Xingu, a 932 km de Cuiabá. A celebração, que aconteceu nos dias 24 a 28 de julho, foi marcado pela preocupações prementes relacionadas ao clima, ao alarmante declínio da preciosa floresta amazônica e pela celebração do 91º aniversário nominal do cacique Raoni Metuktire.

O chefe indígena é conhecido mundialmente por sua incansável luta em defesa da Amazônia, emocionou os presentes ao revelar publicamente que seus dias como ativista podem estar chegando ao fim. Esse anúncio trouxe reflexões sobre o futuro do movimento liderado por ele e quem poderá seguir seus passos à frente dos Caiapós, povo ao qual é referência e liderança inquestionável.

Além das preocupações com o legado de Raoni, os participantes do encontro uniram-se em um sentimento comum: a busca pela ampliação do reconhecimento das vozes indígenas em questões políticas e ambientais. Enfrentando desafios iminentes à demarcação de terras e às ameaças crescentes das mudanças climáticas, os indígenas presentes reforçaram a importância de serem ouvidos e respeitados na tomada de decisões que afetam suas terras e comunidades.

Nesse contexto de união e engajamento, a celebração ressoou como um poderoso chamado à ação e solidariedade, enfatizando a urgência de proteger a floresta amazônica e garantir o bem-estar das comunidades nativas. O evento histórico reafirmou o valor inestimável da Amazônia para o planeta e o compromisso inabalável dos povos indígenas em preservar essa riqueza natural para as futuras gerações.

Mensagens de apoio

O cantor Sting e sua esposa, a atriz Trudie, enviaram uma mensagem em vídeo em apoio ao Cacique Raoni. Além disso, Raoni também recebeu uma carta do Rei Charles III, do Reino Unido.

“Sua proteção da floresta é crucial para todos, porque esses ambientes sequestram carbono e regulam padrões climáticos do mundo”, afirmou Sting, no vídeo, que celebra a forma como Raoni mantém sua unidade espiritual e integridade cultural.

A ausência do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no evento, foi sentida e vista como preocupante. Já que Raoni havia convidado pessoalmente o presidente para participar do Acampamento Terra Livre em Brasília, em abril. No entanto, de acordo com colaboradores próximos ao cacique, Lula havia se comprometido a comparecer, mas acabou cancelando sua participação devido a uma cirurgia no quadril.