Setor de logística do Brasil pode ter fusão de suas maiores empresas

Crédito: Divulgação

Em fato relevante, JSL propõe incorporação de sua principal concorrente, a Tegma; receita bruta somada pode chegar a R$ 6,1 bi

O setor não é muito charmoso, mas o dinheiro não se importa muito com isso. Fato relevante comunicado ao mercado nesta sexta (2) dá conta de que a JSL, principal empresa do segmento no Brasil, fez uma proposta de aquisição de sua principal concorrente, a Tegma.

A comunicação chegou a Tegma na quinta (1º), às 22h35, e uma reunião extraordinária do Conselho de Administração será realizada nesta sexta.

As operações da JSL e da Tegma somadas significam uma receita bruta de R$ 6,1 bilhões, considerados os últimos 12 meses de receita das duas empresas.

Segundo o documento, a Tegma é avaliada por R$ 1,75 bilhão, pouco acima do valor cotado na bolsa paulista.

A Tegma tem 15 dias para se manifestar.