Revista Poder

Padilha diz que reforma ministerial é “debate que está na mesa”

Alexandre Padilha e Daniela Carneiro || Crédito: José Cruz/ Agência Brasil/Pablo Valadares/Câmara dos Deputados.

O ministro Alexandre Padilha (Relações Institucionais) admitiu que o governo federal tem “na mesa” uma reforma ministerial. Em entrevista à Globo News, ele disse nesta quarta (7) que a reforma “é um debate que está na mesa”. O “debate de algum tipo de reformulação”, nas palavras do ministro, “não é personificado em um ou outro” [ministro].

“Não tem qualquer tipo de decisão em relação a um ou outro ministro ou ministra”.

Bastante treinado no media training, um muito amigável Padilha passou bom tempo da entrevista em tom sereno, perorando sobre suposta construtividade do governo Lula. “O governo ouve as críticas e usa isso como energia para melhorar cada vez mais”, mandou, despertando, certamente, bocejos na plateia.

A conversa versou em torno de uma reunião do ministro com a colega Daniela Carneiro (UB-RJ), titular da pasta do Turismo, que pode vir a ser rifada para nova acomodação com o União Brasil, partido da base de Lula 3 que não vem votando como o governo gostaria em seus temas de eleição.

A reunião chefiada por Padilha teve presença também do marido de Daniela, o prefeito de Belford Roxo (RJ), Waguinho, uma das raras lideranças fluminenses a apoiar Lula em 2022.

“Tem muita especulação, muita bolsa de aposta (…) a gente sabe que governo é rali (…) mas o caminho está sendo seguido.”

Sair da versão mobile