Revista Poder

Chefe da moderação de conteúdo do Twitter pede para sair

Ella Irwin || Créditos: Reprodução/Twitter

O anúncio foi feito na quinta-feira (1). Entre outras atribuições, Ella chefiava o time responsável por pela moderação de conteúdo da rede social.
Sua saída de coincide com o momento em que a empresa está enfrentando problemas com anunciantes, já que vários deles têm receio de serem ligados a conteúdos indesejáveis.

Desde que comprou o Twitter em outubro do ano passado, Musk vinha reduzindo drasticamente a vigilância, o que fez proliferarem contas falsas, posts inadequados e discursos de ódio.

Ella é a segunda pessoa a desistir do comando da àrea de Confiança e Segurança. Yoval Roth, seu antecessor no cargo, pediu demissão no final do ano passado e sofreu uma campanha difamatória do próprio Musk.

Na quinta-feira (25), o engenheiro-chefe Foad Dabiri também resolveu tomar de vez o caminho de casa. Um dia antes, o Twitter despencou várias vezes durante uma conversa entre Musk e Ron DeSantis. Na ocasião, o governador da Flórida, anunciou que está na disputa pela indicação republicana na corrida pela Casa Branca.

Ao anunciar sua saída, Dabiri postou em sua conta que uma coisa não teve nada a ver com a outra. Sobre a demissão de Ella, a jornalista especializada em tecnologia Kara Swisher, que virou mexeu alfineta Musk, tuitou: “mais uma pessoa fiel a ele chutada para escanteio.”

Sair da versão mobile