Revista Poder

Seguidores de Musk no Twitter querem-no fora do comando da rede

Elon Musk || Crédito: ZACK/MCOM

Antes de enterrar US$ 41 bi no Twitter, Elon Musk servia-se frequentemente da rede social para mexer com os humores dos acionistas de empresas com as quais tinha alguma relação – mesmo que fosse de simpatia. Ficou famosa, por exemplo, a hashtag #bitcoin que apôs à sua própria biografia há cerca de dois anos.

O ativo subiu 17% naquele dia.

Musk também gosta de criar enquetes com apenas duas alternativas. No domingo (18), depois de se dedicar a tuitar intensamente sobre a final da Copa do Catar, provavelmente para surfar na popularidade do torneio, ele perguntou a seus seguidores se deveria deixar a direção do Twitter.

No mesmo tuíte, disse que obedeceria o resultado.

O resultado saiu no fim do domingo: por 57,5% a 42,5%, o “sim” ganhou.

Musk ainda não disse o que pretende fazer, mas outras figuras aproveitaram-se da onda. O rapper Snoop Dogg, como anotou a CNN gringa, também abriu enquete entre seus seguidores perguntando se deveria dirigir o Twitter. Quatro em cada cinco votos foram afirmativos.

Após divulgar o resultado, Musk produziu tuítes enigmáticos. Em um deles, escreveu: “Como diz o ditado, tenha cuidado com o que deseja, pois você pode consegui-lo”.

E depois: “Aqueles que querem poder são os que menos o merecem.”

 

 

Sair da versão mobile