Revista Poder

Depois da debacle do Fasano de Brasília, Salvatore Loi tenta novo tiro

Salvatore Loi || Créditos: Tadeu Brunelli/Divulgação

O chef-estrela Salvatore Loi abrirá um restaurante em Brasília, provavelmente em outubro. O menu terá um quê de Fasano, grife paulistana na qual o italiano se projetou.

O Loi Salvatore vai ficar na Asa Sul e trará a Brasília algo raramente visto no Planalto Central: trufas frescas.

Loi foi responsável pela inauguração do Gero Brasília, que naufragou na pandemia, dando lugar ao Piselli, grife gastronômica igualmente paulistana.

Aos colegas donos de restaurante, Loi tem justificado o investimento no DF por ser “casado com uma brasiliense”.

Mas outra versão também circula: a de que o tíquete médio na capital voltou aos tempos de bonança, com a politicagem gastando tubos do cartão corporativo para eventinhos privados ou mesas especiais em salas fechadas dentro dos restaurantes.

 

Sair da versão mobile