Revista Poder

Meyer Nigri, da Tecnisa, deixa o hospital após meio ano internado por Covid-19

Foram cinco meses na UTI, primeiro no Vila Nova Star e depois no Albert Einstein; na saída do hospital, hoje, teve bandinha e camisetas coloridas com agradecimento especial

Meyer Nigri || Crédito: Reprodução/YouTube/InfoMoney

Grande dia. Foram cinco meses na UTI até a última semana de fevereiro. Mais um tempinho no quarto se recuperando e o dia D, hora H, chegou. Meyer Nigri, fundador e líder do conselho de administração da construtora Tecnisa, finalmente deixou o hospital Albert Einstein, recuperado da Covid-19.

A saída foi celebrada pelo círculo íntimo que entoou um parabéns a Meyer. Um violãozinho apareceu, e familiares e amigos estavam paramentados com camisetas de cores diferentes, todas com a inscrição “obrigado a todos”.

O presidente do hospital Albert Einstein, Sidney Klajner, compareceu ao ato para dar o seu salve.

Bastante debilitado pela longa internação, o empresário seguirá agora em recuperação em sua casa.

Sair da versão mobile