Revista Poder

Arthur Lira se compromete com pauta de costumes, mas precisa de mais para vencer

Arthur Lira se compromete com pauta de costumes mas não é suficiente

Arthur Lira

Candidato declarado do governo à presidência da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) endossou documento apresentado pela ala bolsonarista que pede mais espaço na pauta de costumes.

Lira definiu o grupo de 29 pessoas como o de “deputados que querem uma Câmara mais liberal e democrática”, afirmando que eles pedem reformas para o país e para o regimento interno.

“Concordo e estou à disposição”, disse, por meio de suas redes sociais.

A aglutinação de Lira tranquilizou aliados de Bolsonaro, até então preocupados com a penetração que o alagoano teria entre seus pares.

Mas é preciso que Lira reme muito mais para levar a melhor contra Baleia Rossi (MDB-SP), o nome ungido pelo bloco partidário montado pelo atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

É preciso que o pepista cabale votos dentro dos partidos que já se declararam por Baleia – DEM, PSDB, Cidadania, MDB, PSL, PT, PCdoB, PDT, PSB, PV e Rede – congressistas que, por alguma ra$ão, estariam dispostos a entrar para o #teamLira.

 

Sair da versão mobile